Comissão afegã anuncia início de campanha eleitoral

Cabul, 16 jun (EFE).- A Comissão Eleitoral do Afeganistão autorizou hoje o início da campanha para as eleições presidenciais, que serão realizadas no dia 20 de agosto e que terão 41 candidatos, entre eles o atual presidente, Hamid Karzai.

EFE |

"Segundo o calendário da campanha, hoje anunciamos o começo do período de campanha das eleições", disse em entrevista coletiva o chefe da Comissão Eleitoral afegã, Azizullah Ludin.

De acordo com ele, agora os candidatos não têm limite de gasto em campanha -em 2004 foi de US$ 20 mil-, mas deverão informar à Comissão das fontes de renda se a despesa superar os US$ 100.

As ruas de Cabul amanheceram com os primeiros cartazes de propaganda, principalmente em apoio ao presidente e de seus dois principais rivais, o ex-ministro de Assuntos Exteriores Abdullah Abdullah e o ex-titular de Finanças Ashraf Ghani.

A Comissão Eleitoral afegã publicou neste sábado a lista final de candidatos, 41 pessoas -39 homens e duas mulheres-, embora a maior parte deles seja desconhecida.

Ludin não especificou os critérios de elegibilidade, mas anunciou que dois candidatos tinham sido afastados da lista definitiva, e assegurou ainda que nela havia pessoas "que não merecem ser presidente".

A campanha terminará 48 horas antes das eleições, nos quais os afegãos também devem determinar a composição dos conselhos provinciais. EFE lo/db

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG