O julgamento do ex-vice-premier do regime de Saddam Hussein, Tarek Aziz, por sua suposta responsabilidade na execução de 42 comerciantes em 1992 en Bagdá começou nesta terça-feira.

Tarek Aziz, que teve vários cargos ministeriais durante duas décadas no regime de Saddam Hussein, compareceu ao Alto Tribunal Penal iraquiano ao lado de outros seis ex-dirigentes.

Por "razões de saúde" o oitavo réu, Ali Hassan al Majid, o "Ali Quimico", não compareceu ao tribunal.

ak/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.