Começa em Milão julgamento contra diretores da Google

Roma, 3 fev (EFE).- O julgamento contra quatro diretores da Google na Itália e Europa por causa de um vídeo colocado em 2006 no qual adolescentes batiam em uma criança com síndrome de Down, começou hoje em Milão, no norte da Itália.

EFE |

Durante a primeira audiência do processo, o primeiro deste tipo no país, a Prefeitura de Milão pediu para se apresentar como parte civil, diante da possibilidade nestes casos da instituição do defensor público para tutelar pessoas com deficiências.

A associação Vivi Down, que trabalha com a pesquisa científica e a tutela de pessoas com síndrome de Down, também fez o mesmo pedido.

Após a primeira audiência de hoje, o processo será retomado em 19 de fevereiro e o juiz decidirá se aceita que a Prefeitura de Milão e a Vividown se apresentem como parte civil.

Neste julgamento, estão acusados o presidente do Conselho de Administração da Google Itália, David Carl Drummond; um membro de seu Conselho de Administração, George Reyes; o responsável de Privacidade para a Europa do grupo, Peter Fleitcher; e o responsável do projeto Google Vídeo para a Europa, Arvind Desikan.

Todos eles são acusados dos crimes de difamação e violação da privacidade. EFE ccg/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG