Combates tribais matam 95 pessoas no sul do Sudão, segundo rádio da ONU

Cartum, 25 abr (EFE).- Pelo menos 95 pessoas morreram e outras 47 ficaram feridas em um enfrentamento tribal ocorrido no sul do Sudão, informou na noite desta quinta-feira a rádio Miraya FM ligada à ONU.

EFE |

Segundo esta emissora do sul do país, os choques explodiram na terça-feira passada como conseqüência de uma disputa sobre alguns campos entre dois grupos da tribo Dimka nas cercanias de Rumbek, capital da região de Buhairat.

O governador da província, Daniel Akot, pediu tranqüilidade à população da região.

Akot informou ainda que os enfrentamentos tinham causado diversos danos materiais e interromperam o censo que atualmente é feito por autoridades do país como parte da aplicação do acordo de paz entre o norte e o sul. EFE az/mh

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG