O comandante do Exército da Grã-Bretanha, sir Jock Stirrup, admitiu nesta quinta-feira que as tropas britânicas no Afeganistão atuaram, inicialmente, de forma arrogante e displicente nos combates contra os insurgentes.

Stirrup disse à revista "The Economist" que as tropas não se comportam mais assim, embora tenha reconhecido que os militares mudaram sua atitude "muito lentamente".

O comandante destacou ainda que é "limitada" a capacidade da Grã-Bretanha de enviar mais tropas ao Afeganistão, como o presidente americano, Barack Obama, vem pedindo a seus sócios ocidentais.

kah-ar/tt

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.