O Livro de Eli estreia no Brasil - Mundo - iG" /

Com parábola fraca, O Livro de Eli estreia no Brasil

Alicia García de Francisco. Redação Central, 18 mar (EFE).- Com um afã didático um tanto excessivo, O Livro de Eli estreia hoje no Brasil com uma parábola sobre o bem e o mal em que Denzel Washington, em uma história pós-apocalíptica, aparece como o exemplo máximo da redenção por via religiosa.

EFE |

Dirigida pelos irmãos Hughes (Albert e Allen), responsáveis pelo filme "Do Inferno" (2001), "O livro de Eli" se situa em um futuro próximo em um mundo arrasado pela força do sol, que matou a maioria dos habitantes e cegou boa parte dos sobreviventes.

Denzel Washington é um homem solitário que protege com carinho um livro que lê todos os dias, sua única posse junto a uma espada e um arco. Com essas armas, ele não tem piedade em matar qualquer um que atravesse seu caminho rumo a lugar nenhum.

Esse mesmo livro é o objeto de desejo de um grupo de delinquentes às ordens de Carnegie (Gary Oldman), que está obcecado em conseguir um texto que vai lhe permitir controlar o mundo e ter toda a sabedoria.

Os irmãos Hughes despertam pouco interesse no espectador pelo conteúdo do livro em questão e entre a homenagem aos faroestes e o aborrecimento que tanto a história como os personagens geram, transcorre um filme que não merece os US$ 80 milhões que custou.

Lugares comuns, maus muito maus, personagens estereotipados, planejamento simples ou excessivo sem meio termo e uma fotografia que tenta justificar a história com uma presença continua de um sol cegante.

Se acrescentarmos a isso os atores que não convencem em seus papéis - embora Denzel Washington pareça estar certo que acrescenta algo a história - e, sobretudo, a lição de moral que tenta dar, o resultado é bastante medíocre.

Embora os trailers anunciem uma história de ação envolta em um ar metafísico, a realidade é que o filme não passa de um conto para crentes convencidos já que os descrentes encontrarão na telona poucos argumentos para mudar de opinião. EFE agf/pb/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG