Com granadas e fuzis, grupo assalta hotel em Berlim durante torneio de pôquer

Um grupo de homens armados com fuzis e granadas invadiu um hotel de luxo no centro de Berlim, na Alemanha, neste sábado, no momento em que ocorria um torneio de pôquer. Segundo a polícia, cerca de mil pessoas estavam no local e vários ficaram feridas por causa do pânico gerado pelo ataque, mas nenhuma em estado grave.

BBC Brasil |

Os assaltantes roubaram todo o prêmio do torneio, cujo valor a porta-voz da polícia se negou a revelar. Mas o jornal Tageszeitung informou, em seu site, que o grupo roubou um total de 800 mil euros.

O torneio, previsto para durar cinco dias, foi retomado horas depois.

Pânico
Um dos participantes, Tobias Reinkemeier disse que houve pânico quando os ladrões invadiram o hotel.

"Eles gritaram: 'Isto é um assalto'", contou. "Não sabíamos o que estava acontecendo. Aí houve uma onda de pânico e todo mundo saltou para debaixo das mesas, enquanto outros tentaram sair correndo pela saída de emergência."
O assalto ocorreu por volta das 14h30 (hora local, 10h30 em Brasília).

Segundo o jornal Tageszeitung, o grupo tinha pelo menos seis pessoas. Quanto entraram no hotel enquanto outros dois montavam guarda do lado de fora.

Imagens capturadas por câmeras de circuito interno de TV foram transmitidas pelo canal privado alemão n-tv.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG