Com alta participação, acaba referendo sobre divisão do Sudão

Dados estimam comparecimento de 73% a 88% em votação sobre separação do sul do país; resultado definitivo deve sair em fevereiro

EFE |

O referendo de autodeterminação do sul do Sudão foi concluído neste sábado após sete dias marcados pelo alto índice de participação e pelo entusiasmo dos moradores da região com a perspectiva de começar uma nova etapa após a possível separação.

AFP
Bandeira do sul do Sudão é vista durante entardecer em Juba
Os colégios eleitorais fecharam suas portas às 18h do horário local (13h de Brasília), quando começou a apuração dos votos, que se prolongará até a próxima segunda-feira, de acordo com o comitê para o referendo de autodeterminação do sul do Sudão em Cartum. O resultado definitivo deve ser divulgado em 14 de fevereiro.

Foram convocados 3,9 milhões de sudaneses do sul para comparecer às urnas e decidir se continuavam unidos ao resto do país ou declaravam sua independência.

Os eleitores tiveram grande participação nas urnas, conscientes de que essa oportunidade de escolha definiria seu futuro após duas décadas de guerra e uma complicada transição.

Os primeiros dados do Comitê, divulgados neste sábado, estimam que a participação oscilou entre 73% e 88%, um número muito superior ao mínimo estabelecido para que o resultado do referendo fosse considerado válido.

Durante os sete dias de votação, não foram registrados incidentes graves. O referendo é fruto dos acordos de paz assinados entre o norte e o sul do Sudão em 2005, após duas décadas de uma guerra que causou 2 milhões de mortes.

O conflito do sul do Sudão eclodiu em 1983, quando o regime de Cartum impôs a lei islâmica em todo o país, e os insurgentes do sul, de maioria cristã e animista, partiram para o conflito armado.

Arte/ iG
O Sudão, que pode vir a ser dois países, é o terceiro maior produtor de petróleo da África Subsaariana

    Leia tudo sobre: sudãoreferendoconflitoomar-al-bashir

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG