Colunista britânico questiona 'era de perseguição aos cristãos'

Mark Seldon, do jornal britânico The Independent, lembra histórico da religião no mundo e fala em ameaças da Al-Qaeda

Nahum Sirotsky, de Israel |

Em artigo publicado pelo colunista Mark Seldon, o jornal britânico The Independent trouxe à luz, no início da semana, um surpreendente questionamento: “Será que estamos testemunhando uma nova era de perseguiçao aos cristãos?”.

No texto, além de lembrar história dos cristãos no mundo, ele retoma ataques e violência recentes contra os cristãos em países como o Iraque e o Egito, por exemplo.

AFP
Cristãos egípcios fazem protesto em frente à catedral de al-Abassey, no Cairo, na sequência das manifestações contra ataque a bomba na cidade (2/1/2011)
“A Igreja do Oriente é a mais antiga igreja cristã. (...) Saddam Hussein, o ditador iraquiano que foi derrubado pela invasão americana e condenado à morte, garantia a liberdade dos cristãos que totalizavam cerca de 1,5 milhão indivíduos. Hoje eles são 400 mil”, ressaltou.

Segundo o colunista inglês, o objetivo da Al-Qaeda seria eliminar a antiga cultura cristã. Vale lembrar, diz o jornal, que a Al-Qaeda avisou que os cristãos são um alvo legítimo do grupo. Em outubro, um ataque contra a Igreja da Nossa Salvação em Bagdá resultou na morte de 58 pessoas. Na segunda-feira, l íderes da Igreja Ortodoxa Copta na Europa revelaram que estão recebendo ameaças após o ataque à bomba na igreja de al-Qidissen, em Alexandria, no Egito , pouco depois da meia-noite do dia 31 de dezembro.

    Leia tudo sobre: cristãosperseguiçãoal-qaedathe independent

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG