Colonos israelenses mataram a tiros sábado um jovem pastor de ovelhas palestino em Nablus (norte da Cisjordânia), informaram neste domingo fontes palestinas de segurança.

Os colonos dispararam de um carro branco contra um grupo de pastores de rebanhos perto da colônia judia de Itamar, e mataram um deles, Yehya Ata, de 18 anos, disse uma das fontes.

O corpo da vítima, identificada como Yehya Ata, foi encontro na manhã deste domingo.

O porta-voz da polícia israelense, Micky Rosenfeld, confirmou a morte do jovem beduíno, vítima de disparos. Ele disse que o episódio aconteceu no leste de Nablus, perto da colônia israelense de Gitit, a vários quilômetros de Itamar.

A polícia israelense realizou uma autópsia e abriu uma investigação, segundo esta fonte israelense.

str-ms/hj/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.