Colombianos saem às ruas para pedir libertação de reféns

Os colombianos, convocados por 15 ex-reféns da guerrilha das Farc resgatados no dia 2 de julho, realizam neste domingo marchas e shows de música em seu país e no exterior para exigir a libertação de cerca de 3.000 seqüestrados no mesmo dia das celebrações pela Independência da Colômbia.

AFP |

Entoando o hino nacional da Colômbia, ao lado dos cantores Juanes e Miguel Bosé, a ex-refém Ingrid Betancourt iniciou neste domingo à tarde em Paris um grande show em favor dos reféns ainda mantidos em poder de grupos armados na selva colombiana, como parte das manifestações organizadas em várias cidades do mundo.

A franco-colombiana libertada pelas Farc no dia 2 de julho, pediu aos participantes que atuem pela paz e pela liberdade na Colômbia, e enviou uma mensagem ao líder da guerrilha, Alfonso Cano.

O prefeito de Paris, o socialista Bertrand Delanoe, agradeceu a presença e a mobilização dos parisienses pela libertação de Ingrid Betancourt e lembrou que "o dever dos franceses é continuar lutando pela libertação de todos os reféns na Colômbia".

Em Leticia, em plena selva amazônica, é realizado o principal evento das manifestações que têm como lema "Liberdade já", contando com as participações dos presidentes da Colômbia, Alvaro Uribe; do Brasil, Luiz Inácio Lula da Silva; e do Peru, Alan García.

Um tradicional desfile militar é realizado em ocasião do Dia da Independência, aberto pela estrela pop colombiana Shakira, que cantou o hino nacional.

Na parada também estão presentes os onze militares e policiais resgatados pelo Exército junto com a franco-colombiana Ingrid Betancourt e os três norte-americanos.

As principais ruas de Bogotá foram cobertas de branco desde cedo, com centenas de milhares de manifestantes com camisas brancas com as inscrições como "Liberdade já", "Chega de seqüestrados" e "Paz para a Colômbia".

Alguns atos já foram realizados no sábado em Londres, Madri e Lima, onde grupos de colombianos se reuniram para pedir a liberdade dos reféns e celebrar o aniversário da independência.

axm/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG