FOX é preso nos EUA - Mundo - iG" /

Colombiano procurado por programa da FOX é preso nos EUA

Charlotte (EUA.), 24 jul (EFE).

EFE |

- A Agência de Imigração e Alfândegas (ICE, na sigla em inglês) confirmou hoje a prisão do colombiano James Victoria Jiménez, conhecido como "Pablo Castro", acusado de narcotráfico e roubo e incluído no programa de televisão "America's Most Wanted" (Os Mais Procurados da América, em tradução livre).

O ICE informou que membros do programa 287g, na Carolina do Norte, identificaram um imigrante ilegal como Victoria Jiménez, que foi detido no início da semana por oficiais da Polícia de Charlotte, a maior cidade do estado, por tráfico de cocaína e posse de artigos roubados.

De acordo com informações do programa de televisão "Os Mais Procurados da América", exibido pela cadeia FOX, Victoria Jiménez é um reconhecido líder de um grupo de ladrões na América do Sul, com ligações criminais internacionais.

Também era procurado por agentes de imigração por ter sido deportado três vezes.

Em agosto de 2000, o imigrante ilegal foi sentenciado a 13 meses de prisão no Texas por voltar a entrar ao país, depois de ter sido deportado anteriormente.

Além disso, o colombiano escapou de uma prisão de New York, em julho de 2002, onde cumpria uma de pena por 51 crimes mais graves, como furto agravado.

O imigrante ilegal será transferido para a custódia da ICE, quando as acusações criminais forem concluídas.

"A captura deste perigoso fugitivo comprova que a sociedade entre a ICE e as agências da ordem pública locais contribuem para manter a segurança da coletividade", afirmou, em comunicado de imprensa, Felicia Skinner, diretora do Escritório de Detenção e Deportação da ICE de Atlanta, no estado americano da Geórgia.

A seção 287g da lei de imigração, vigente desde 1996, permite os Governos locais a entrarem em convênios com o federal para treinar policiais para que exerçam funções de agentes de imigração, para localizar estrangeiros sem documentos.

Desde que a prisão do condado de Mecklenburg começou a operar o 287g, em abril de 2006, mais de 6.914 imigrantes foram colocados em processo de deportação, a maioria por infrações menores e somente 87 por crimes mais graves. EFE av/pd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG