Colômbia expressa condolências e solidariedade pela morte de Kaczynski

Bogotá, 10 abr (EFE).- O Governo da Colômbia expressou hoje em comunicado suas condolências e solidariedade pela morte do presidente da Polônia, Lech Kaczynski, em um acidente aéreo ocorrido na Rússia.

EFE |

A Chancelaria colombiana expressou em uma breve carta a "profunda dor" com a qual o Governo conheceu hoje a notícia do acidente aéreo ocorrido nas cercanias do aeroporto da cidade russa de Smolensk, no qual 96 pessoas morreram.

"O Governo e o povo da Colômbia expressam ao povo irmão da Polônia suas condolências e solidariedade diante deste terrível fato", conclui a mensagem.

A bordo do avião viajavam Kaczynski, sua esposa, o vice-ministro de Relações Exteriores, o governador do Banco Central, funcionários de alto escalão do Governo e os principais chefes militares.

Além disso, integravam a comitiva os familiares de milhares de oficiais poloneses executados em 1940 na cidade russa de Katyn pelos serviços secretos soviéticos e por ordem de Stalin, aos quais a comitiva prestaria homenagem. EFE agp/sa

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG