Colômbia envia avião-hospital com ajuda ao Haiti

Bogotá, 18 jan (EFE).- O presidente da Colômbia, Álvaro Uribe, anunciou hoje que esta noite zarpará para o Haiti um avião-hospital com ajudas doadas pelos colombianos e que está sendo preparado outro aparelho para levar mais 600 toneladas de alimentos e remédios ao país caribenho.

EFE |

O avião "decolará esta noite para o Haiti com (400 toneladas de) ajuda que generosamente os colombianos entregaram e vai ser instalado ali como avião-hospital, além de como centro para que a equipe colombiana que está operando no local possa girar ao redor desse avião", disse o líder à "RCN" rádio.

Acrescentou que outro avião está se deslocando do Oceano Pacífico ao Caribe para carregar outras 600 toneladas de ajudas ao Haiti.

O terremoto de 7 graus na escala Richter aconteceu às 19h53 (Brasília) da terça-feira passada e teve epicentro a 15 quilômetros da capital haitiana, Porto Príncipe. Segundo declarações à Agência Efe, o primeiro-ministro do Haiti, Jean Max Bellerive, acredita que o número de mortos superará 100 mil.

O Exército brasileiro informou que pelo menos 16 militares do país que participavam da Missão de Estabilização das Nações Unidas no Haiti (Minustah) morreram em consequência do terremoto.

A médica Zilda Arns, fundadora e coordenadora da Pastoral da Criança, e Luiz Carlos da Costa, o segundo civil mais importante na hierarquia da ONU no Haiti, também morreram no tremor. EFE fer/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG