Bogotá - O governo colombiano confirmou nesta quarta-feira que 20 rebeldes das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) morreram em um bombardeio lançado na segunda-feira passada contra um acampamento da guerrilha no departamento do Cauca (sudoeste).

Em comunicado oficial, Bogotá indicou que após um ano de investigação foi possível "capturar uma pessoa", numa operação em que morreram em combate pelo menos 20 integrantes das Farc.

Além disso, a operação conseguiu "apreender armamento, munição e informação de alto interesse estratégico".

O relatório indicou ainda que "foi possível localizar não só o acampamento base, mas também uma escola de instrução" das Farc.

O Exército colombiano atacou na segunda-feira o acampamento da frente VI das Farc, cerca de 500 quilômetros ao sudoeste de Bogotá.

Leia mais sobre: Farc

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.