Colômbia: cinco milhões de assinaturas para pedir reeleição de Uribe

Um abaixo-assinado com os nomes de 5.021.873 colombianos que pedem a possibilidade de um terceiro mandato para o presidente da Colômbia, Alvaro Uribe, foi entregue nesta segunda-feira às autoridades eleitorais, informaram os organizadores da iniciativa.

AFP |

O documento busca a aprovação de um referendo de iniciativa popular que permita uma reforma na Constituição colombiana, com o objetivo de abrir caminho à candidatura de Uribe a uma segunda reeleição.

Uribe assumiu a presidência pela primeira vez em 7 de agosto de 2002.

"Quem tiver exercido a presidência por dois períodos constitucionais poderá ser reeleito para outro período", diz o projeto de referendo, que será apresentado ao Congresso com o respaldo das assinaturas.

Para que a iniciativa chegasse ao Congresso era necessário conseguir no mínimo 1,4 milhão de assinaturas.

As autoridades eleitorais têm um mês para estudar a validade das mais de cinco milhões de assinaturas, que começaram a ser coletadas em 18 de maio deste ano pelo comitê organizador do abaixo-assinado pró-Uribe.

"Espero que o Congresso da República interprete o clamor de 5 milhões de colombianos para reeleger o presidente Alvaro Uribe", declarou o ex-senador governista Luis Guillermo Giraldo, líder do comitê.

Uribe, que conta atualmente com uma popularidade de 91%, ainda não se manifestou publicamente sobre sua intenção de disputar um terceiro mandato presidencial - hipótese que tampouco descartou.

Vale lembrar que sua primeira reeleição, para o período 2006-2010, só foi possível por causa de uma polêmica reforma constitucional.

pro/ap/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG