Colômbia captura traficante após matar seu irmão gêmeo

BOGOTÁ (Reuters) - A polícia colombiana capturou Miguel Angel Mejía Múnera, um dos maiores traficantes do país, na manhã de sexta-feira, dias depois de matar seu irmão gêmeo em um tiroteio nas operações contra as redes de tráfico de cocaína lideradas por ex-paramilitares. Mejía e seu irmão, Victor Manuel, eram ex-líderes paramilitares foragidos desde 2006, quando grupos paramilitares fizeram um acordo de paz com o governo e 31 mil combatentes entregaram suas armas. Os gêmeos de 48 anos se recusaram a se entregar e fugiram, acusados de massacrar milhares de civis.

Reuters |

A polícia matou Victor Manuel Mejía a tiros na terça-feira.

Os irmãos comandavam uma quadrilha conhecida como 'Los Nevados' ou 'Los Mellizos', acusada de exportar grandes quantidades de cocaína para a Europa e os Estados Unidos.

Ambos eram procurados pelos EUA por tráfico de drogas. O governo norte-americano oferecia uma recompensa de 5 milhões de dólares para quem os capturasse.

(Reportagem de Hugh Bronstein)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG