Colômbia captura especialista em explosivos das Farc

Bogotá, 6 abr (EFE).- O serviço de inteligência colombiano capturou um importante rebelde das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) especializado em explosivos e acusado de vários atentados terroristas no centro e sul do país, informou hoje o Departamento Administrativo de Segurança (DAS).

EFE |

Rodrigo Gaitán Rincón é considerado "um dos terroristas mais sanguinários" da frente 27 das Farc, foi detido ontem à noite na cidade de Villavicencio.

O guerrilheiro é acusado de ser o responsável pelo atentado com carro-bomba contra uma brigada do Exército em 2006 no qual morreram três militares.

Segundo o DAS, a captura foi possível depois de mais de um ano de trabalhos de inteligência que permitiram identificar o esconderijo do chefe insurgente.

Rincón tem prisão decretada pela Promotoria por crimes de rebelião e homicídio, além de ser apontado como autor do ataque com 120 quilos de explosivos no dia 23 de novembro de 2006, em Villavicencio.

Ele também teria vinculação com o assassinato de um menor de idade, cujo corpo carregou depois com três quilos de explosivos para atentar contra militares e os legistas que faziam a autópsia no cadáver. EFE fer/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG