Colmeias instaladas no teto do Grand Palais, em Paris, dão 50 kg de mel

As colmeias instaladas durante a primavera no teto do Grand Palais, no centro de Paris, deram uma primeira safra muito animadora de 50 kg de mel, anunciou nesta quarta-feira à AFP o apicultor Nicolas Guéant.

AFP |

"As duas colmeias, instaladas no início de maio e no início de junho no teto do prestigioso Grand Palais, perto da avenida dos Champs-Elysées, permitiram recuperar 50 kg de mel", declarou.

Para este apicultor de 41 anos, "a experiência é tão animadora que o Grand Palais decidiu acrescentar mais três colmeias na próxima primavera".

A meta é recuperar 500 kg de mel, que será comercializado sob o nome de "Mel do Grand Palais" a partir do ano que vem.

"Infelizmente, observamos que as abelhas vivem melhor em Paris do que nas áreas de cultura intensiva. Paris é uma cidade poluída, mas não há os pesticidas, fungicidas e insetididas utilizados no campo e que dizimam as abelhas", explicou.

"Aqui, na capital, a biodiversidade é bem maior do que nas áreas de cultivo, onde árvores e flores desapareceram", prosseguiu.

"Assim, as colmeias urbanas produzem hoje quatro a cinco vezes mais mel" do que as das zonas agrícolas", finalizou.

Paris tem cerca de 300 colmeias registradas, várias delas no Jardim de Luxemburgo e no teto da Ópera Garnier.

ab/yw/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG