Colisão entre 2 ônibus mata ao menos 13 fiéis no Senegal

Dacar, 2 fev (EFE).- Pelo menos 13 peregrinos que viajavam para a localidade sagrada de Touba, no centro do Senegal, morreram na colisão do ônibus em que viajavam com outro que vinha da Mauritânia.

EFE |

Segundo a imprensa local, outras 29 pessoas ficaram feridas no acidente, ocorrido ontem, a 180 quilômetros da cidade de Dacar, na estrada que liga as cidades de Kaolack e Gossas.

Os fiéis mortos na batida seguiam para a peregrinação anual da Irmandade Mouride, a principal seita muçulmana do Senegal. De tendência sufi, ela fundada no final do século XIX pelo xeque Ahmadou Bamba.

A celebração, prevista para amanhã e que anualmente atrai centenas de milhares de seguidores, lembra a deportação de Bamba ao Gabão, em 1895.

O excesso de velocidade, a idade avançada dos veículos, a má conservação das estradas e a imprudência dos motoristas são as principais causas dos acidentes no Senegal, segundo as autoridades.

EFE st/sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG