As primeiras informações são de que morreram seis estudantes e uma diretora na província de San Luis

Seis estudantes e uma diretora de uma escola religiosa morreram e outras 10 pessoas ficaram feridas nesta quarta-feira no choque entre um trem de carga e um ônibus escolar, na província argentina de San Luis, informou o ministro da Educação do distrito, Marcelo Sosa.

Um trem atingiu um ônibus escolar em um acidente que matou pelo menos sete pessoas na Argentina
EFE
Um trem atingiu um ônibus escolar em um acidente que matou pelo menos sete pessoas na Argentina

O trem arrastou o veículo escolar por mais de 300 metros. No ônibus viajavam cerca de 40 pessoas, a maioria meninas da escola particular católica Santa Maria, que se dirigiam para uma atividade religiosa em Mendonça, perto da fronteira com o Chile.

O acidente ocorreu em um cruzamento ferroviário sem barreiras sobre uma estrada nos arredores do pequeno povoado de Zanjitas. As vítimas foram levadas a hospitais de San Luis, capital da província homônima, afirmou o prefeito de Zanjitas, Jorge Antunez a emissoras de rádio de Buenos Aires. Ele disse que o número de vítimas pode aumentar e que por enquanto elas não foram identificadas. As estudantes têm idades entre 10 e 12.

Terceiro acidente com ônibus e trem na Argentina

Este é o terceiro acidente grave que envolve colisão de ônibus e trem na Argentina em menos de dois meses. Em setembro dois acidentes deixaram mortos e dezenas de feridos na capital, Buenos Aires. Um deles matou 11 pessoas, quando dois trens e um ônibus colidiram , outro envolveu um ônibus, um caminhão e um trem e deixou 90 feridos.

*com AFP e EFE

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.