Colégios eleitorais do Nepal são fechados após eleições constituintes

Katmandu, 10 abr (EFE).- Os colégios eleitorais do Nepal fecharam suas portas hoje, após um dia de eleições constituintes marcado por episódios isolados de violência, e que terminou com uma pessoa morta.

EFE |

Uma fonte da Comissão Eleitoral assegurou à Efe que, devido aos incidentes violentos, a votação precisou ser suspensa em oito das 9.821 localidades do país que contam com pelo menos um colégio eleitoral.

O incidente mais grave ocorreu na cidade de Sunsari (350 quilômetros ao sudeste de Katmandu), onde uma pessoa faleceu durante um enfrentamento entre militantes do Partido do Congresso Nepalês e do regionalista Fórum pelos Direitos do Povo Madhesi (MPRF, na sigla em inglês).

As votações terminaram às 8h15 (de Brasília), e a Comissão Eleitoral informou que levará cerca de dez dias para confirmar o partido vencedor, embora os primeiros resultados parciais já devam estar disponíveis amanhã.

A demora na divulgação de resultados oficiais se deve, em parte, ao complicado sistema eleitoral do Nepal, que combina a eleição majoritária por distritos com o voto proporcional nacional.

As eleições do Nepal foram realizadas após uma campanha marcada por episódios de violência, que terminaram com um saldo de 20 mortes. EFE ja/gs

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG