Coalizão governamental japonesa perde eleições para a Assembleia de Tóquio

Tóquio, 13 jul (EFE).- A coalizão governamental do Partido Liberal-Democrata (PLD) e o Novo Komeito perdeu as eleições locais para a Assembleia de Tóquio, onde o opositor Partido Democrático (PD) é agora o majoritário, segundo os resultados publicados nesta segunda-feira (hora local).

EFE |

Segundo a agência de notícias "Kyodo", a derrota do PLD nestas eleições locais realizadas no domingo, representa uma pressão extra sobre o primeiro-ministro do Japão, Taro Aso, para que dissolva a Câmara Baixa e convoque as eleições gerais, que já estavam previstas para os próximos meses, mas ainda sem data definitiva.

Vários legisladores do PLD disseram hoje que Aso estuda anunciar amanhã terça-feira a dissolução da Câmara Baixa e convocar as eleições para sábado 8 de agosto, um dia antes do aniversário da explosão da bomba atômica em Nagasaki.

Em caso de se celebrar o pleito em agosto, seriam os primeiros desde setembro de 2005, nos quais o candidato do PLD Junichiro Koizumi venceu.

A vitória da oposição nas urnas de Tóquio é considerada por muitos como um sinal de fraqueza do governamental PLD para as eleições gerais, partido que tem o titular do poder executivo no Japão há mais de meio século. EFE icr/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG