Coalizão dos EUA mata vários supostos talibãs no Afeganistão

Cabul, 5 set (EFE).- Vários supostos talibãs morreram e outros 11 foram detidos hoje em operações militares das tropas da coalizão liderada pelos Estados Unidos em três províncias do leste do Afeganistão, informou hoje o comando militar americano.

EFE |

Segundo um comunicado, um choque armado aconteceu quando as tropas da coalizão faziam uma inspeção na busca de um talibã envolvido em ataques com explosivos e na infiltração de combatentes estrangeiros no distrito de Barmal, na província de Paktika, fronteiriça com o Paquistão.

Durante a inspeção, os militares foram atacados por homens armados e foi iniciado um tiroteio em que vários insurgentes morreram e outros cinco foram detidos, acrescentou a fonte.

Na província de Kapisa, ao norte de Cabul, as tropas americanas mataram vários supostos talibãs e detiveram dois em uma operação similar no distrito de Tagab.

Os militares encontraram um arsenal de armas composto por vários rifles de assalto, granadas de mão, material para a fabricação de explosivos e munição, acrescentou a fonte em outro comunicado.

Quatro supostos talibãs foram detidos também em uma batida das tropas da coalizão para desarticular redes terroristas no distrito de Spira, na província oriental de Khost.

Os combates entre as forças de segurança afegãs e as tropas internacionais desdobradas no Afeganistão são freqüentes no país, especialmente no sul e no leste.

Só neste ano, mais de 2.900 pessoas morreram no Afeganistão devido à violência, segundo cálculos da imprensa. EFE nh/rr

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG