Os disparos da Guarda Costeira americana contra uma embarcação no rio Potomac, em Washington, faziam parte de um exercício de treinamento, informou a rede CNN nesta sexta-feira.

Anteriormente, foi informado que a Guarda Costeira americana, em alerta máximo pelo aniversário dos atentados de 11 de setembro, abriu fogo contra um barco suspeito no rio Potomac.

O barco teria avançado por uma zona restrita do rio, próxima do Pentágono, onde o presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, assistia uma cerimônia em homenagem às vítimas dos mais graves ataques terroristas da história.

jkb/cn/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.