Clinton se reúne com líder norte-coreano e transmite mensagem de Obama

Seul, 4 ago (EFE).- O ex-presidente americano Bill Clinton se reuniu hoje, em Pyongyang, com o líder comunista norte-coreano, Kim Jong-il, a quem transmitiu um mensagem verbal do atual chefe da Casa Branca, Barack Obama, informou hoje a imprensa oficial da Coreia do Norte.

EFE |

A "Rádio Pyongyang" e a rede de televisão "Korean Central Broadcasting Station" disseram que Kim ofereceu um jantar a Clinton na residência destinada às visitas oficiais, sem fazer menção ao motivo da viagem.

O ex-líder democrata chegou hoje a Pyongyang, em uma viagem não anunciada, para tentar conseguir a libertação de duas jornalistas americanas detidas na Coreia do Norte desde março.

Os dois líderes trocaram "um amplo leque de opiniões", afirmaram os meios de comunicação estatais norte-coreanos citados pela agência sul-coreana "Yonhap".

A imprensa sul-coreana tinha especulado a possibilidade de que Clinton retorne amanhã aos EUA com as duas jornalistas, condenadas em junho a 12 anos de trabalhos forçados em campos norte-coreanos.

As repórteres americanas Laura Ling e Euna Lee, que trabalham para a "Current TV", de San Francisco (EUA), foram detidas em 17 de março na fronteira da Coreia do Norte com a China, enquanto gravavam imagens para um documentário sobre mulheres refugiadas norte-coreanas.

Após um julgamento desenvolvido em Pyongyang, o principal tribunal norte-coreano as condenou em junho a 12 anos de trabalhos forçados por entrada ilegal em seu território. EFE ce-psh/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG