Clinton: retorno de Zelaya é uma oportunidade contra crise

A secretária americana de Estado, Hillary Clinton, estimou nesta segunda-feira que a volta do presidente deposto, Manuel Zelaya, a Honduras, é uma oportunidade para se solucionar a crise política no país.

AFP |

"Agora que o presidente Zelaya voltou, seria oportuno lhe devolver o cargo" e "seguir adiante com as eleições previstas para novembro, com uma transição pacífica de presidentes e o retorno da ordem democrática e constitucional a Honduras", disse Clinton à imprensa em Nova York.

O presidente da Costa Rica, Oscar Arias - mediador do conflito - concordou com Clinton que trata-se de uma boa oportunidade para solucionar a crise em Honduras.

"Penso que esta é a melhor oportunidade, o melhor momento, agora que Zelaya voltou ao seu país".

Zelaya, que retornou secretamente a Honduras, está na embaixada do Brasil em Tegucigalpa.

O presidente de fato de Honduras, Roberto Micheletti, já pediu ao Brasil que entregue o presidente deposto para que seja julgado pela Justiça hondurenha.

lc/LR

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG