Washington, 4 ago (EFE).- O ex-presidente americano Bill Clinton já está a caminho dos Estados Unidos com as duas jornalistas libertadas hoje pelo Governo da Coreia do Norte, informou seu porta-voz.

A Coreia do Norte perdoou Laura Ling e Euna Lee, as jornalistas americanas detidas no país, depois que Clinton viajou para a península norte-coreana para tramitar a libertação das duas.

As duas mulheres "estão a caminho de Los Angeles, onde Laura e Euna se encontrarão com seus familiares", disse Matt McKenna, porta-voz do ex-presidente.

As duas repórteres americanas que trabalham para o site "Current TV", de San Francisco (EUA), foram detidas em 17 de março na fronteira da Coreia do Norte com a China enquanto gravavam imagens para um documentário sobre o tráfico de mulheres refugiadas norte-coreanas.

Em junho, o principal tribunal norte-coreano as condenou a 12 anos de trabalhos forçados sob a acusação de entrada ilegal em território da Coreia do Norte. EFE ojl/bba

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.