A Ilha do Tesouro ganha sequência - Mundo - iG" /

Clássico A Ilha do Tesouro ganha sequência

Londres, 26 mar (EFE).- O poeta e biógrafo inglês Andrew Motion está preparando uma sequência de A Ilha do Tesouro, o clássico literário de Robert Louis Stevenson, publicado pela primeira vez em 1883.

EFE |

Segundo a editora Random House, O "Retorno à Ilha do Tesouro" deve chegar às lojas em 2012.

Motion, que foi "poeta laureado" do Reino Unido entre 1999 e 2009 - um título honorífico concedido desde 1668 pela Coroa em reconhecimento à obra poética de um autor -, explicou ao jornal "The Guardian" que sempre admirou o romance de Stevenson.

O escritor diz ter criado coragem de escrever a continuação por achar que o autor "deixou todas as possibilidades abertas para que alguém escrevesse o que eu estou escrevendo".

"(O pirata coxo) Long John Silver sobrevive no final com muito dinheiro nos bolsos e seus homens ficam abandonados na ilha. Me pergunto se o próprio Stevens não teria voltado a esta história caso não tivesse morrido tão jovem (aos 44 anos)", explicou Motion.

"A Ilha do Tesouro" termina com a volta para casa do herói da história, Jim Hawkins, cheio de dinheiro e com a promessa de nunca mais voltar a "essa ilha maldita", apesar de não ter encontrado o tesouro que deu origem à viagem.

Long John Silver, por sua vez, desapareceu e só cinco de seus homens conseguiram retornar à Inglaterra no "Hispaniola".

Motion retoma o livro a partir do personagem Jim Junior, que vive com o pai em um pub junto ao rio Tâmisa, nos arredores de Londres.

Ele recebe a visita de uma menina que diz ser a filha de Long John Silver e o convence a roubar o plano guardado pelo pirata e retornar à ilha atrás do tesouro.

O poeta disse que o livro será uma obra para todos os públicos: "Espero que as crianças com uma certa predisposição à leitura gostem dele, mas há um fundo obscuro na história que estou escrevendo. É muito lúgubre e sombria".

"Muita gente morre na obra original com uma frequência extraordinária e de maneira casual, pisoteados por cavalos ou abandonados na ilha", lembrou Motion. EFE fpb/pb-sc

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG