Cinco seguranças da empresa Blackwater acusados de homicídio

Cinco seguranças da empresa Blackwater, acusados de terem assassinado 17 iraquianos em 2007, foram acusados nesta segunda-feira de homicídio e tentativa de homicídio, informou o departamento de Justiça.

AFP |

Os agentes compareceram nesta segunda-feira a um julgamento em Utah (oeste), onde mora um deles, respondendo, também, por violação da regulamentação sobre armamentos, após terem descarregado rajadas de armas automáticas no dia 16 de setembro de 2007 em Bagdá, explicou o promotor adjunto Patrick Rowan.

Os homens, com idades de 24 a 29 anos, são acusados de terem causado a morte de 14 pessoas e de terem ferido outros 20.

No dia 16 de setembro de 2007, os agentes que escoltavam um comboio diplomático abriram fogo num cruzamento muito freqüentado de Bagdá; 17 civis morreram. A empresa desde então afirma que não fizeram senão responder a tiros, enquanto uma investigação iraquiana concluiu que o comboio não recebeu nem mesmo uma pedra.

ksh/ch/sd

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG