Cinco pessoas hospitalizadas após incêndio no Parlamento egípcio

Um incêndio foi declarado nesta terça-feira no Parlamento egípcio, no Cairo, provocando a hospitalização de cinco pessoas e a intervenção do Exército para tentar apagar o fogo, informou um representante dos serviços de segurança.

AFP |

"Helicópteros do Exército estão tentando apagar o fogo que se alastrou", declarou à AFP este responsável, que não quis ser identificado.

O incêndio, que começou no segundo andar do edifício, atingiu o terceiro andar, causando importantes danos no serviço de arquivos parlamentares, informou a mesma fonte.

O edifício abriga o Senado e alguns escritórios da Câmara baixa do Parlamento.

"Cinco pessoas dos serviços de emergência foram transportadas para um hospital próximo com sintomas de intoxicação pela fumaça", disse o responsável.

"Como o Parlamento está atualmente em recesso, havia poucas pessoas no edifício" no momento do incêndio, acrescentou.

Caminhões de bombeiros e ambulâncias foram enviadas ao local para apagar o fogo, que "poderia ter sido provocado por um curto-circuito" no edifício, informou mais cedo a televisão egípcia.

Todos os acessos ao Parlamento, localizado no centro do Cairo, foram bloqueados.

jaz/yw

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG