O Japão, México, Áustria, Turquia e Uganda foram eleitos nesta sexta-feira membros não-permanentes do Conselho de Segurança da ONU para o período 2009-2010.

Acordo Ortográfico

Áustria e Turquia foram eleitos para o grupo Europa e Uganda para o da África. O Japão superou o Irã na designação de um lugar para a Ásia e teve o apoio de vários países do continente asiático.

A candidatura mexicana, sem concorrência de nenhum outro país da região, obteve o apoio de 185 dos 192 membros da entidade, foram registradas seis abstenções e um país votou no Brasil, apesar de não ter se apresentado à eleição. O México foi eleito para uma das duas vagas não-permanentes do Conselho reservadas à América Latina e ao Caribe.

O Conselho de Segurança, principal órgão de decisão da ONU, tem 15 membros, sendo cinco permanentes e com direito a veto: China, Estados Unidos, França, Grã-Bretanha e Rússia.

Os outros 10 são eleitos anualmente pela Assembléia Geral em grupos de cinco para mandatos de dois anos não renováveis consecutivamente.

Para ser eleito, um país precisa receber dois terços dos votos dos Estados presentes e votantes.

As vagas são divididas por por zonas geográficas.

Leia mais sobre Conselho de segurança da ONU

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.