Cinco morrem em ataque suicida no Vale do Swat, Paquistão

Por Junaid Khan MINGORA, Paquistão (Reuters) - Um homem-bomba se explodiu em um posto de segurança paquistanês neste sábado, matando cinco soldados, enquanto oito militantes foram mortos em um conflito, na mais séria onda de violência na área em semanas.

Reuters |

Os militares organizaram uma ofensiva na região a noroeste da capital em abril e mataram ou expulsaram muitos militantes do Taleban, no que tem sido visto amplamente como uma operação de sucesso.

O ataque com o carro-bomba em Khawazakhela, a cerca de 14 km ao norte da principal cidade de Swat, Mingora, aumentou as preocupações de que o Taleban poderia voltar. O ataque aconteceu um dia após centenas de pessoas, incluindo mulheres, terem ido a um show de música e dança para celebrar o Dia da Independência no Vale, onde o Taleban havia antes banido música e educação para as garotas.

Em um incidente separado, oito militantes foram mortos em um combate que aconteceu enquanto soldados vasculhavam outra área, afirmaram os militares.

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG