Cinco homens são acusados de complô contra o Exército dos EUA

Cinco supostos radicais islâmicos foram, nesta segunda-feira, considerados culpados de complô para matar militares em uma base do Exército americano em Fort Dix (Nova Jersey, nordeste), informou a promotoria à AFP.

AFP |

Os cinco homens foram, no entanto, absolvidos da acusação de "tentativa de assassinato", frisou a promotoria. Eles podem ser condenados à prisão perpétua.

O júri levou quase seis dias para chegar a um veredicto, ao término de várias semanas de julgamento na corte federal de Nova Jersey.

Leia mais sobre: exércitos norte-americanos

    Leia tudo sobre: euaeua no iraqueexército

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG