Cinco franceses de origem norte-africana são detidos por risco de atentado

Paris, 11 set (EFE).- Cinco franceses, vários deles de origem norte-africana e detidos hoje no noroeste da França por agentes antiterroristas, em virtude de informações de podiam estar preparando um atentado, podem ser colocados em liberdade em breve, indicaram fontes próximas à investigação.

EFE |

As detenções ocorreram em Rennes e as revistas não deram nenhum resultado, disseram as fontes à Agência Efe.

O pai de um dos jovens, que tinha ouvido uma conversa que lhe pareceu preocupante, alertou as forças da ordem, acrescentaram.

As fontes ressaltaram que o perfil dos detidos não corresponde ao de eventuais terroristas, e não há indícios materiais que permitam acreditar que estejam relacionados a alguma rede.

Sobre as detenções hoje, a ministra do Interior francesa, Michèle Alliot-Marie, disse em entrevista coletiva que a Gendarmaria tinha recebido indicações de que poderiam ter intenção de cometer um atentado.

Três dos detidos são originários do noroeste da França, outro do sul do país e o quinto nasceu no Marrocos, disseram as fontes. EFE al/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG