Cidades na Dakota do Norte aguardam cheia do rio Vermelho

Washington, 28 mar (EFE).- As autoridades das cidades de Fargo e Moorhead, no estado americano de Dakota do Norte, disseram hoje que não houve rachaduras nas barragens improvisadas, mas que milhares de pessoas abandonaram suas casas enquanto esperam que passe a cheia do Rio Vermelho.

EFE |

O tenente Steve Lynk, da Polícia de Fargo, contou que, na noite de ontem, recebeu poucos comunicados de problemas com as barragens improvisadas, feitas por milhares de bolsas e cestas recheadas de areia no centro da cidade.

Por sua vez, K.C. Cummings, do escritório de emergências de Moorhead, ao sudeste de Fargo, disse ao jornal "The Forum", que diversas equipes, prontas para responder imediatamente as eventuais rachaduras e quebras de barragens, foram mobilizadas durante a noite, mas não houve problemas maiores.

O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, que decretou estado de emergência federal na região afetada pelas inundações, se referiu em seu discurso dos sábados à situação em Dakota do Norte, onde fortes nevascas causaram o transbordamento dos rios.

"No estádio de Fargo, milhares de pessoas se reuniram não para ver um jogo de futebol (americano) ou um rodeio, mas para encher bolsas de areia", disse Obama.

"Os voluntários encheram 2,5 milhões de bolsas em apenas cinco dias; trabalharam contra o relógio dia e noite", acrescentou.

"Outros desafiaram o frio, o vento forte e as nevascas para levantar barragens ao longo dos rios como contenção das águas que subiram a níveis sem precedentes", destacou.

As autoridades locais preveem que a cheia do rio Vermelho, que alcança 13 metros, passará pela área de Fargo e Moorhead até amanhã.

Cerca de 1.700 soldados da Guarda Nacional ajudaram a encher as bolsas e a retirar os moradores das áreas sujeitas a inundação.

Além deles, milhares de estudantes e moradores de áreas não ameaçadas pela cheia ajudaram nos trabalhos, como voluntários. EFE jab/jp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG