Cidades do Peru também se somaram à Hora do Planeta

Lima, 27 mar (EFE).- A capital e outras grandes cidades do Peru se somaram neste sábado à Hora do Planeta e apagaram suas luzes como protesto pacífico contra a mudança climática, um ato que o presidente do país, Alan García, qualificou de demonstração de civismo mundial.

EFE |

O blecaute voluntário foi realizado em resposta a uma iniciativa promovida em 117 países pelo Fundo Mundial para a Natureza (WWF, na sigla em inglês).

Em Lima, o acompanhamento foi amplo entre a população, que deixou alguns bairros como o de San Isidro iluminados apenas pelos automóveis e iluminação pública.

Os prédios oficiais, como os ministérios, também seguiram a medida, enquanto as principais áreas do centro da cidade, como a Praça de Armas, ficaram totalmente às escuras.

O próprio presidente García uniu-se à Hora do Planeta ao apagar todas as luzes de sua residência e, em seguida, sair para passear pela Praça de Armas, onde fica o Palácio de Governo.

O blecaute em Lima chegou até ao aeroporto, onde lojas e instituições também apagaram suas luzes.

Outras cidades do Peru, como Tacna e Cuzco, também deixaram sem luz seus principais monumentos, praças e edifícios religiosos. EFE fcg-tg/ma

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG