Cidade de Tangshan, assolada por terremoto de 1976, oferece ajuda a Sichuan

Pequim, 13 mai (EFE).- A cidade chinesa de Tangshan, que em 1976 sofreu o pior terremoto do século XX, com mais de 240 mil mortos, enviou ajuda no valor de US$ 1,4 milhão a Sichuan, província atingida nesta segunda-feira por um terremoto que deixou mais de 12 mil mortos.

EFE |

O Governo chinês informou hoje que Tangshan foi uma das primeiras cidades a enviar ajuda às vítimas, que está sendo arrecadada em todo o país.

ONGs, empresas e comunidades chinesas no exterior também ofereceram material de emergência e dinheiro, destacou em entrevista coletiva o vice-ministro de Assuntos Civis chinês, Luo Pingfei.

Luo reiterou que a China dá as boas-vindas a estas ajudas e outras oferecidas por Governos e organizações do exterior.

Responsáveis do Escritório Sismológico Estatal chinês presentes na entrevista coletiva destacaram a grande quantidade de ajuda necessária para a zona devastada.

O terremoto de ontem, de 7,8 graus na escala Richter, é o pior sofrido pela China desde o terremoto de 1976 em Tangshan, de mesma intensidade. EFE abc/an

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG