Tóquio - Pelo menos 12 pessoas morreram e várias continuam desaparecidas devido às chuvas torrenciais que afetaram hoje as províncias de Hyogo e Okayama, no oeste do Japão, informou a Polícia local, citada pela agência Kyodo.

A região do oeste do país, na qual se encontram as províncias, foi atingida hoje por fortes chuvas e deslizamentos de terra por causa do tufão "Etau", cuja passagem pelo Japão causou também chuvas torrenciais no começo da manhã em Tóquio.

Onze das vítimas moravam em Hyogo, entre elas um representante do Governo municipal da localidade de Sayo, de 54 anos, que ficou preso em seu veículo submerso.

As autoridades locais pediram ajuda às Forças de Autodefesa japonesas para operações de resgate e recomendaram a evacuação das regiões mais afetadas.

Cerca de 390 casas de Sayo ficaram inundadas e até o momento 2.290 pessoas foram evacuadas, depois que alguns prédios apresentaram inundações de até 1,5 metro de altura.

Na província de Okayama, pelo menos duas casas foram arrasadas pelos movimentos de terra na cidade de Mimakasa, na fronteira com a província de Hyogo, onde se encontrou à vítima número 12.

Leia mais sobre: chuvas

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.