Chuvas provocam deslizamentos e bloqueiam ferrovia a Machu Picchu

Lima, 24 jan (EFE).- Os deslizamentos de terra ocorreram em diversas regiões de Cuzco, provocados pelas intensas chuvas, bloquearam parte da ferrovia em direção a Machu Picchu, informou hoje à empresa que faz o serviço.

EFE |

A companhia Peru Rail explicou em nota que os deslizamentos cobriram parte da via, na altura de Huarocondo, obrigando a suspensão da rota de Cuzco a Machu Picchu.

Como medida de emergência para os turistas que só têm essa opção para chegar hoje a Machu Picchu, a empresa colocou um ônibus interligando a estação de Poroy a de Ollantaytambo, a partir do ponto em que é possível retomar a viagem em trem.

De acordo com rádios locais, por causa das chuvas intensas rios transbordaram e os deslizamentos já deixaram 300 desabrigados.

O Serviço Nacional de Meteorologia e Hidrologia (Senamhi) previu que as chuvas seguirão até o dia 26 de janeiro em 15 das 25 regiões do país, atingindo Lima, Cuzco, Huancavelica, Lambayeque e San Martín. EFE mmr/dm

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG