Chuvas matam pelo menos 13 nas Filipinas

MANILA - Pelo menos 13 pessoas morreram, três ficaram feridas e outras quatro estão desaparecidas por causa de inundações e deslizamentos de terra ocorridos após fortes chuvas registradas esta semana no litoral leste das Filipinas.

EFE |

Segundo a Defesa Civil, as enchentes afetaram em torno de 300 mil pessoas no sul da ilha de Luzon e na ilha de Samar, embora somente cerca de 1.500 seguissem em dez abrigos até ontem. A maioria das vítimas fatais foi de homens entre 16 e 67 anos, mas também houve uma menina recém-nascida e um menino de três anos.

Os danos à infra-estrutura e à agricultura são avaliados em cerca de US$ 1,7 milhão, com 1.600 casas totalmente destruídas pelas inundações.

As chuvas desta semana se deveram à presença de uma frente fria e uma área de baixa pressão na região oriental da ilha de Luzon, enquanto a Administração de Serviços Atmosféricos, Geofísicos e Astronômicos das Filipinas (Pagasa) prevê que as precipitações continuem até amanhã nessa região.

A Pagasa também indicou que uma nova tempestade tropical localizada cerca de 1.600 quilômetros ao leste da região de Bicol, no sul de Luzon, começará a afetar as Filipinas a partir da noite de segunda-feira.

    Leia tudo sobre: chuvas

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG