China se compromete a promover direitos humanos

A China se comprometeu nesta segunda-feira a promover os direitos humanos, no primeiro plano de ação aprovado pelo governo para este setor.

AFP |

"O plano de ação nacional para os direitos humanos promete, entre outras coisas, uma melhor proteção legal e mais direitos políticos. Reconhece que a China continua enfrentando muitos desafios e espera um longo caminho em seus esforços para melhorar a situação dos direitos humanos", afirma a agência oficial Xinhua (Nova China).

"O governo chinês dá prioridade à proteção dos direitos do povo, à subsistência e ao desenvolvimento. Garante legalmente os direitos de todos a uma participação igualitária e ao desenvolvimento", completa o texto.

A China é muito criticada pelas organizações de defesa dos direitos humanos. O plano foi publicado menos de dois meses antes do 20º aniversário da repressão violenta das manifestações por democracia na praça Tiananmen (praça da Paz Celestial).

sai-jg/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG