China reduz imposto sobre transações na bolsa para sustentar cotações

A China anunciou a redução do imposto sobre as transações na bolsa de 0,3% a 0,1% a partir de quinta-feira, após uma forte queda dos preço das ações, anunciou a agência Xinhua (Nova China).

AFP |

A decisão do Conselho de Estado foi adotada após a desvalorização de 46% das bolsas chinesas desde meados de outubro.

No entanto, o índice composto da bolsa de Xangai encerrou a sessão de quarta-feira em alta de 4,15%, a 3.278,33 pontos.

Depois da euforia de 2006-2007, o mercado chinês parece cada vez mais ansioso frente as possibilidades de recessão nos Estados Unidos e a angústia dos pequenos acionistas, desesperados com a desvalorização de seus títulos.

frb/fp

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG