A China pediu nesta quinta-feira aos Estados Unidos que lhe entregue todos os prisioneiros chineses em seu centro de detenção de Guantánamo (Cuba), após a decisão do presidente americano Barack Obama de fechar esta prisão.

"Estas pessoas são membros do Movimento Islâmico do Turcomenistão do Leste (MITE), que está na lista de organizações terroristas do Conselho de Segurança das Nações Unidas", disse aos jornalistas a porta-voz do ministério das Relações Exteriores chinês, Jiang Yu.

"Eles devem ser devolvidos à China, que tratará o caso de acordo com a lei", acrescentou.

Obama deve assinar nesta quinta-feira um decreto ordenando o fechamento da prisão de Guantánamo em um prazo de um ano. Esta será uma mudança radical com relação à política de George W. Bush.

mbx/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.