China pede a Obama que cancele reunião com o Dalai Lama

China pede a Obama que cancele reunião com o Dalai Lama

Reuters |

A China pediu aos Estados Unidos que cancelem uma reunião programada para o sábado entre o presidente Barack Obama e o exilado líder espiritual tibetano Dalai Lama, na Casa Branca, dizendo que o encontro prejudicaria as relações entre os dois países.

A Casa Branca anunciou na véspera que Obama conversaria com Dalai Lama sobre o Tibet em sua primeira reunião em mais de um ano.

"Esta reunião enfatiza o forte respaldo do presidente à preservação da identidade cultural, religiosa e linguística do Tibet, e a proteção dos direitos humanos dos tibetanos", disse a Casa Branca.

O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Hong Lei, disse em comunicado: "Nós nos opomos a qualquer reunião entre qualquer autoridade de alto escalão... do governo com o Dalai Lama".

(Por Laura MacInnis e Jason Subler)

    Leia tudo sobre: MUNDOCHINAEUADALAILAMA

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG