China oferece US$ 1 milhão em ajuda humanitária à ANP

Pequim, 6 jan (EFE).- A China decidiu oferecer US$ 1 milhão (747.

EFE |

055 euros) em ajuda humanitária à Autoridade Nacional Palestina (ANP), afirmou hoje o porta-voz do Ministério de Assuntos Exteriores chinês, Qin Gang.

"A China continuará oferecendo ajuda humanitária à parte palestina com sua própria capacidade", declarou Qin, citado pela agência oficial "Xinhua".

A China, um dos membros permanentes do Conselho de Segurança da ONU, voltou hoje a pedir a interrupção da violência em Gaza e se comprometeu a trabalhar com a comunidade internacional para alcançar uma solução política.

"A China insta as partes a interromperem as ações militares e o conflito armado para evitarem baixas civis e criarem as condições para conversas pacíficas e uma solução política", declarou o porta-voz.

Qin também declarou que o Governo chinês fez muito para solucionar o conflito de Gaza, onde, após 11 dias de bombardeios, os mortos palestinos chegam a cerca de 600 e os feridos a 3.000, enquanto a Cruz Vermelha já disse que a crise humanitária está "insustentável" para a população. EFE trr/fal

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG