China lança dois satélites para monitorar desastres

PEQUIM (Reuters) - A China lançou no sábado dois satélites para monitorar o meio ambiente e ajudar a reduzir o impacto de desastres naturais, informou a agência estatal Xinhua. Os satélites, lançados em um centro espacial em Taiyuan, província de Shanxi, pode ajudar a prever e monitorar enchentes, secas, terremotos, pragas agrícolas e outros desastres, segundo a Xinhua.

Reuters |

'O lançamento desses satélites é uma importante medida para aumentar a nossa capacidade de monitoramento ambiental', disse à Xinhua o vice-ministro de Proteção Ambiental da China, Wu Xiaoquing.

Além dos rotineiros tufões e das enchentes anuais de verão, a China foi atingida por severos desastres naturais neste ano, que mataram milhares de pessoas e causaram enormes prejuízos.

Depois de sofrer com as piores nevascas dos últimos 50 anos no inverno passado, um terremoto no sudoeste da China matou 80 mil pessoas em maio e deixou milhões de desabrigados.

A China usou imagens de satélites cedidas pelos Estados Unidos para ajudar a avaliar a situação das rodovias, reservatórios e pontes após o terremoto de 12 de maio.

No último ano, a China colocou em órbita 43 satélites desenvolvidos no país, junto com seis espaçonaves e uma sonda lunar, segundo informou em julho a Xinhua.

(Reportagem de Ian Ransom)

    Leia tudo sobre: iG

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG