China fecha site de treinamento de hackers

Um site especializado em pirataria e espionagem virtual foi fechado pela polícia na província de Hubei, centro da China, informa a imprensa local nesta segunda-feira.

AFP |

Os três diretores do Black Hawk Safety Net foram detidos no local de funcionamento do site, onde foram apreendidos US$ 250 mil.

O endereço, que funcionava desde 2005, era o maior centro de treinamento de hackers do país, segundo os jornais chineses.

O Black Hawk Safety Net tinha 12.000 membros "VIP" que pagavam mensalidade e 170.000 usuários gratuitos.

"Podia baixar programas que me permitiam controlar computadores distantes, isto me divertia", declarou um membro ao jornal China Daily.

O jornal informa que muitos usuários cadastrados no site faziam fortuna ao acessar contas bancárias de milhares de pessoas. O site foi fechado em novembro, mas somente agora a medida policial foi anunciada.

A revelação acontece poucas semanas depois da empresa americana Google denunciar ataques virtuais a partir do território chinês.

Leia mais sobre hackers

    Leia tudo sobre: hackers

    Notícias Relacionadas


      Mais destaques

      Destaques da home iG