A China enviará nos próximos dias um emissário ao Egito, a Israel e aos territórios palestinos para que participe nos esforços internacionais para encontrar uma solução diplomática para o conflito na Faixa de Gaza, indicou neste sábado a chancelaria chinesa.

"Para tentar recuperar a calma na região, o emissário chinês para o Oriente Médio, Sun Bigan, viajará nos próximos dias para o Egito, Israel e os territórios palestinos", indicou em um comunicado o porta-voz do ministério, Qin Gang.

A ofensiva israelense contra o Hamas, movimento islamita que controla Gaza, completa neste sábado duas semanas e já deixou pelo menos 800 palestinos mortos.

frb/lm

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.