A China defendeu nesta terça-feira o direito da Coreia do Norte a um uso pacífico do espaço e pediu prudência ao Conselho de Segurança da ONU, que discute possíveis sanções a Pyongyang pelo lançamento de um foguete no domingo.

"Nós esperamos que as partes envolvidas se mostrem prudentes e mantenham a calma para salvaguardar a paz e a estabilidade gerais", afirmou a porta-voz da chacelaria chinesa, Jiang Yu.

"A questão também se refere ao direito de um país ao uso pacífico do espaço. Nós acreditamos que o Conselho de Segurança deveria responder en forma prudente", acrescentou a porta-voz.

dma-kma/fp

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.